Pular para o conteúdo
Voltar

Fiscalização da Ager-MT retoma atividades no combate ao transporte clandestino

ASCOM | AGER-MT

- Foto por: ASCOM/AGER
A | A

A equipe de fiscalização da Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados de Mato Grosso (Ager-MT), voltou a desempenhar suas atividades no transporte rodoviário intermunicipal nesta segunda-feira (18), com reforço nas medidas para proteção dos fiscais. As operações estavam suspensas com a quase paralisação total do sistema pelas empresas entre março e abril, o monitoramento remoto estava mantido, complementado por verificações pontuais.

 

As ações ostensivas foram retomadas e serão feitas com mais regularidade agora que várias empresas voltaram a executar as linhas.

 

A fiscalização está dando ênfase ao combate ao transporte clandestino, a partir de inúmeras denúncias que têm chegado à Agência. Ao mesmo tempo, ocorre a verificação do cumprimento dos procedimentos que tratam do controle da disseminação do novo Coronavírus, que têm que ser adotados pelos transportadores legalizados.

 

Segundo o diretor de Transportes e Rodovias da Ager, Paulo Henrique, as concessionárias e autônomos do sistema só podem rodar se estiverem seguindo rigorosamente os protocolos de higiene estabelecidos pelas autoridades de saúde.

“Muitas pessoas estão optando em não viajar nesse período de pandemia, as equipes de fiscalização da Agência já identificaram uma circulação bem menor. A população esta cada vez mais consciente que só deve deslocar se for realmente indispensável, com serviços de transporte legalizados e cumprindo todos protocolos de segurança contra a contaminação do COVID-19”, falou o diretor.  

 

Ainda a presença da fiscalização visa coibir a prática dos transportadores não habilitados no sistema e, assim, orientar melhor todos que utilizam o transporte.

 

A abertura das fiscalizações ocorreu no pátio do posto de atendimento da Ager localizado no Terminal Rodoviário de Cuiabá, Engenheiro Cássio Veiga de Sá, com a presença do presidente da Ager, Luis Alberto Nespolo, que foi recebido pelos fiscais com boas vindas e apresentação de cada um, também os diretores regulador de Transportes e Rodovias, Paulo Henrique Monteiro Guimarães, o diretor regulador de Saneamento e Energia, Wilber Norio Ohara, o diretor regulador Ouvidor, José Rodrigues, o diretor Administrativo Sistêmico, Aroldo de Luna Cavalcanti, o coordenador de Transporte, Fernando Gadenz, a coordenadora de Ouvidoria, Clarisse Zunta e o presidente representante da Associação dos Servidores Efetivos, James Rachid Jaudy.